Portal da Prefeitura de Campo Largo.

Merenda Escolar do município ganha reforço nutricional

Semanalmente, são distribuídos as escolas e CMEIS cerca de 7 mil quilos de frutas e verduras. Este ano, estima-se o emprego de 80% do Recurso Federal em gêneros da agricultura familiar.

Publicada em: 17/04/2017 às 13:32

Buscando agradar ainda mais o paladar dos alunos campo-larguenses, diversificar os alimentos e garantir a boa nutrição dos discentes, a Prefeitura de Campo Largo, através da Secretaria de Educação, começou este ano letivo aprimorando o cardápio das escolas municipais.

 

 

Atualmente, são ofertadas cerca de 25 mil refeições ao dia. Os cardápios são elaborados pela Nutricionista Paula Piekarski, responsável técnica pelo Programa de Alimentação Escolar. Também são elaborados cardápios especiais a fim de atender alunos com necessidades alimentares especiais como diabetes, doença celíaca, hipertensão, intolerâncias e alergias alimentares - a partir de comprovação por apresentação de laudo médico.

 

 

Os gêneros alimentícios que compõem a alimentação escolar são submetidos a controle de qualidade por meio de análise de documentação e análises sensoriais. A compra dos gêneros alimentícios ocorre de acordo com o cardápio planejado, por meio de processo licitatório e por meio de chamada pública da agricultura familiar.

 

 

Nos últimos 3 anos, em média 35% do recurso financeiro enviado pelo Governo Federal foi aplicado em produtos da agricultura familiar. Atualmente, 100% das frutas e verduras enviadas às escolas e CMEIS são adquiridas da Cooperativa da Agricultura familiar de Campo Largo -  Cooperlargo. Para este ano, estima-se o emprego de 80% do Recurso Federal em gêneros da agricultura familiar incluindo frutas, verduras, pães, arroz, feijão, massa de tomate, fubá, farinha de trigo, entre outros.

 

 

Refeições:

Semanalmente, são distribuídos as escolas e CMEIS cerca de 7 mil quilos de frutas e verduras, distribuídas de acordo com a modalidade de ensino:

 

 

- CMEIS (período integral): oferta de 4 refeições ao dia (desjejum, almoço, lanche da tarde e jantar). Os cardápios são elaborados de acordo com a faixa etária da criança (4 a 6 meses; 6 a 12 meses; 12 a 24 meses e acima de 24 meses) a fim de contemplar a adequada introdução de alimentos complementares.

 

 

- Ensino Fundamental e Ensino de Jovens e Adultos (período parcial): oferta de 1 refeição ao dia.

 

 

- Ensino Fundamental (período integral – Programa Mais Educação): oferta de 3 refeições ao dia (lanche da manhã, almoço e lanche da tarde).

Notícias na mesma categoria

Mostra de Artes reúne trabalhos feitos pelos alunos do artista plástico Toto Lopes
Inscrições do processo seletivo para os cursos do IFPR são homologadas
Campo Largo é representado em Congresso na Colômbia
Vestibular de Pedagogia e Letras da UEPG/UAB acontece domingo (22)
Vestibular de Pedagogia e Letras da UEPG/UAB acontece domingo (22)