Portal da Prefeitura de Campo Largo.

Cocel finaliza projeto pioneiro no uso de religadores automáticos, que resultou em grandes melhorias na qualidade do fornecimento de energia

Confira!

Publicada em: 13/09/2017 às 08:56

A Companhia Campolarguense de Energia – Cocel apresentou ontem, 12 de setembro, os resultados de seu projeto-piloto para definição de metodologia para instalação de religadores monofásicos na rede de distribuição com o objetivo de reduzir o número e a frequência de interrupções no fornecimento de energia. O projeto faz parte do Programa de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) regulamentado e fiscalizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL, e foi desenvolvido em parceria com o Instituto Lactec.

 

O projeto obteve resultados excelentes na redução de interrupções no fornecimento, e a Cocel é uma das pioneiras no uso desta tecnologia no país. No circuito onde foi realizado o projeto-piloto houve redução de cerca de 70% na duração das interrupções no fornecimento de energia e de 57% na frequência das interrupções. Proporcionou ainda a modernização do parque de equipamentos da rede e a atualização e treinamento da equipe.

 

A ANEEL exige que os projetos de P&D sejam originais, e no caso do projeto realizado pela Cocel além da originalidade a eficiência e aplicabilidade foram excepcionais. Mateus Duarte Teixeira, pesquisador do Instituto Lactec e presidente da Sociedade Brasileira de Qualidade da Energia Elétrica, elogia a opção da Cocel em utilizar os recursos de P&D para resolução de problemas reais, garantindo a aplicação prática do investimento em pesquisa.

 

As equipes da Cocel e do Instituto Lactec realizaram um grande estudo para a instalação de religadores do modelo TripSaver na rede de distribuição. Estes religadores atuam na proteção dos ramais aéreos e são utilizados no lugar de chaves fusíveis, melhorando a confiabilidade do sistema e eliminando interrupções. Neste projeto-piloto foram instalados quinze religadores em seis pontos do Circuito Três Córregos, que atende a maior parte da área rural do município e tem mais de 600 km de extensão.

 

Franklin Lopes Klock, engenheiro eletricista da Cocel, destaca que tão importante quanto a instalação dos religadores é a definição da metodologia para instalação, garantindo que os equipamentos sejam instalados nos locais onde trarão os maiores benefícios. “Com a pesquisa foi definido um algoritmo inteligente para definição dos pontos para instalação, e ainda desenvolvido um aplicativo de apoio para a análise dos dados”, completa Klock.

 

 

Além de resultar na redução no número e na duração das interrupções, o projeto-piloto possibilitou ainda a identificação de falhas na rede como oscilações de tensão e interferências de um circuito em outro. Carlos Conrado Krzyzanovski, diretor técnico da Cocel, lembra que os estudos para proteção da rede serão contínuos, e que o conhecimento adquirido com este projeto-piloto será a base para outros investimentos em melhorias que serão realizados pela Companhia.

 

 

Texto: Assessoria Companhia Campolarguense de Energia – Cocel

 

Notícias na mesma categoria

COCEL INFORMA SOBRE DESLIGAMENTOS PROGRAMADOS
Site da Prefeitura de Campo Largo ficou fora do ar por questões técnicas
Prefeitura convida a população para participar da elaboração da LOA - Lei Orçamentária Anual 2018
Prefeitura informa funcionamento dos serviços municipais no feriado de 12 de Outubro
Suspenso expediente de sexta-feira (13) na Prefeitura de Campo Largo