Portal da Prefeitura de Campo Largo.

Seresta de Reis resgata a cultura e leva dezenas de famílias para a praça da Matriz

Confira!

Publicada em: 08/01/2018 às 10:35

Mais de 300 pessoas prestigiaram, na noite de sábado (06) e madrugada de domingo (07), a 112ª Seresta de Reis, o mais tradicional evento sacro/profano de Campo Largo, na praça Atílio de Almeida Barbosa, em frente à Matriz de Nossa Senhora da Piedade. À porta da igreja, os seresteiros iniciaram a festa à zero hora de domingo, acompanhados pelo público que relembrou os velhos tempos, com letras e músicas inesquecíveis.

 

 

O evento, que marca o encerramento do período de festas de Natal e Ano Novo, foi comandado pela cantora lírica Kátia Santos, filha de Jorge Ângelo dos Santos, o Jorginho Cantor, que dedicou grande parte da sua vida à cultura campo-larguense e à Seresta de Reis. O grande diferencial, desse ano, foi a participação maciça do público, famílias, jovens e idosos, que de certa forma resgataram a tradição do evento.

 

 

Seresta

No final das apresentações na frente da igreja, o padre Anderson Rodrigues dos Santos abençoou a todos, e destacou a importância do evento e da tradição. Após as apresentações na praça, o grupo se dirigiu, cantando músicas profanas, à Casa Paroquial, onde homenageou o padre Anderson Rodrigues dos Santos, com a música natalinas e dos Santos Reis, pedindo bênçãos para todos, no Ano Novo. Em seguida, o grupo se dirigiu à casa das irmãs da Sagrada Família, para mais um momento de alegria e descontração. Elas receberam a todos com muita alegria e, no final saíram com o grupo para a praça, onde foi feita a foto dos seresteiros com as irmãs.

 

 

Mais uma vez, acompanhados das irmãs, os seresteiros voltaram para a Praça da Matriz, onde ocorreu o enceramento das festividades, a foto em frente à Matriz e a despedida, com promessa de nova seresta em 2019.

 

 

A Seresta ou Cantata de Reis, relembra a visita dos Reis Magos ao Menino Jesus, dias após o seu nascimento. Eles levavam de presente ao recém-nascido, Ouro, Incenso e Mirra. A data é, sempre, comemorada no sábado mais próximo do dia seis de janeiro, o Dia de Reis. Em Campo Largo, a tradição já dura 112 anos, a primeira Seresta de Reis foi realizada em 1906. Famílias tradicionais da cidade, sempre apoiaram e incentivaram esse movimento cultural, cultura que está sendo resgatada com a volta destas e de novas famílias, para esse importante movimento cultural da cidade, que agora conta com total apoio da Prefeitura Municipal.

 

 

 

 

 

Notícias na mesma categoria

Campeão de Karatê precisa de patrocínio para continuar
Campo Largo 156 já recebeu 264 solicitações e concluiu 55
Festa da Padroeira no dia dois de fevereiro terá Ato Cívico
Prazo para recadastramento de túmulos termina em 31 de janeiro
Vans escolares precisam passar por vistoria para renovar licença