Portal da Prefeitura de Campo Largo.

Seresta de Reis resgata a cultura e leva dezenas de famílias para a praça da Matriz

Confira!

Publicada em: 08/01/2018 às 10:35

Mais de 300 pessoas prestigiaram, na noite de sábado (06) e madrugada de domingo (07), a 112ª Seresta de Reis, o mais tradicional evento sacro/profano de Campo Largo, na praça Atílio de Almeida Barbosa, em frente à Matriz de Nossa Senhora da Piedade. À porta da igreja, os seresteiros iniciaram a festa à zero hora de domingo, acompanhados pelo público que relembrou os velhos tempos, com letras e músicas inesquecíveis.

 

 

O evento, que marca o encerramento do período de festas de Natal e Ano Novo, foi comandado pela cantora lírica Kátia Santos, filha de Jorge Ângelo dos Santos, o Jorginho Cantor, que dedicou grande parte da sua vida à cultura campo-larguense e à Seresta de Reis. O grande diferencial, desse ano, foi a participação maciça do público, famílias, jovens e idosos, que de certa forma resgataram a tradição do evento.

 

 

Seresta

No final das apresentações na frente da igreja, o padre Anderson Rodrigues dos Santos abençoou a todos, e destacou a importância do evento e da tradição. Após as apresentações na praça, o grupo se dirigiu, cantando músicas profanas, à Casa Paroquial, onde homenageou o padre Anderson Rodrigues dos Santos, com a música natalinas e dos Santos Reis, pedindo bênçãos para todos, no Ano Novo. Em seguida, o grupo se dirigiu à casa das irmãs da Sagrada Família, para mais um momento de alegria e descontração. Elas receberam a todos com muita alegria e, no final saíram com o grupo para a praça, onde foi feita a foto dos seresteiros com as irmãs.

 

 

Mais uma vez, acompanhados das irmãs, os seresteiros voltaram para a Praça da Matriz, onde ocorreu o enceramento das festividades, a foto em frente à Matriz e a despedida, com promessa de nova seresta em 2019.

 

 

A Seresta ou Cantata de Reis, relembra a visita dos Reis Magos ao Menino Jesus, dias após o seu nascimento. Eles levavam de presente ao recém-nascido, Ouro, Incenso e Mirra. A data é, sempre, comemorada no sábado mais próximo do dia seis de janeiro, o Dia de Reis. Em Campo Largo, a tradição já dura 112 anos, a primeira Seresta de Reis foi realizada em 1906. Famílias tradicionais da cidade, sempre apoiaram e incentivaram esse movimento cultural, cultura que está sendo resgatada com a volta destas e de novas famílias, para esse importante movimento cultural da cidade, que agora conta com total apoio da Prefeitura Municipal.

 

 

 

 

 

Notícias na mesma categoria

AVISO OBRAS E DESLIGAMENTOS PROGRAMADOS
Prefeitura alerta servidores aposentados pelo SASSP e pensionistas contra golpe
AUDIÊNCIA PÚBLICA DA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS (LDO) 2019
Mais de 50% do valor da fatura de energia são impostos Tributos e encargos custam mais que a geração de energia
Prefeitura de Campo Largo lamenta falecimento de funcionária da Secretaria de Urbanismo