Portal da Prefeitura de Campo Largo.

Prefeitura de Campo Largo restabelece a verdade em caso de morte no Interior

O caso foi explorado por terceiros, por ignorância ou má fé, e lançado nas redes sociais e na mídia, como se fosse negligência do Município

Publicada em: 27/06/2018 às 10:30

O lamentável acontecimento de sábado (23), em frente à Unidade de Saúde de Três Córregos, no interior do Município, quando um cidadão, vítima de um IAM – Infarto Agudo do Miocárdio teve seu corpo exposto e filmado por estranhos, e divulgado pelas redes sociais como descaso, a Prefeitura Municipal informa que: Em contato com os familiares do senhor Osvaldo Drulla, foi informado que o seu ente querido faleceu de Infarto fulminante, no local onde estava com amigos, numa chácara, e o corpo foi transportado para a frente da UBS do Três Córregos, para facilitar o traslado para Curitiba.

O caso foi explorado por terceiros, por ignorância ou má fé, e lançado nas redes sociais e na mídia, como se fosse negligência do Município, na prestação de serviço de socorro a um cidadão. A família não compactua com essa exploração e, pelo contrário, lamenta que o caso tenha tomado tal dimensão. Por isso, os Drulla encaminharam, na tarde desta terça-feira (26), nota à Prefeitura Municipal, para que a Imprensa séria do Município e do Estado seja informada sobre a verdade, no caso. É a seguinte, a íntegra da Nota Oficial da família do senhor Osvaldo Drula:

À PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO LARGO - NOTA DE ESCLARECIMENTO

Por meio desta, a família do Sr. OSVALDO DRULLA, vem esclarecer os fatos ocorridos no último sábado - dia 23.06.2018, bem como as notícias que se vincularam nos meios de comunicação posteriores a tal data, solicitando, primeiramente, que tais fatos sejam publicados para que devidamente esclarecidos e, por fim, para que em respeito à FAMÍLIA enlutada e à memória do Sr. OSVALDO, cessem as especulações e notícias sobre o caso após tal esclarecimento, tendo em vista que resta reconhecer o cunho “político” que foi levantado pelo caso.

O Sr. OSVALDO DRULLA encontrava-se em tal data em uma chácara de lazer com amigos, como era de costume, quando teve um mal súbito e faleceu minutos após o ocorrido, no mesmo local. Após isto, em razão da distância e dificuldade de acesso, foi levado até a Unidade de Saúde local, para que houvesse o traslado de seu corpo para os procedimentos necessários.

Utilizando-se de tais fatos e os expondo de forma ilegal e constrangedora, sem qualquer contato ou autorização da família, vinculou notícia junto ao facebook, expondo o corpo do seu ente querido, bem como, vinculando a notícia de forma a entender que houve negligência pela Unidade de Saúde ou mesmo por parte do Município no atendimento ao ocorrido; tal fato culminou no óbito.

Tal publicação teve aproximadamente 500 compartilhamentos junto a rede social, bem como fez vincular a notícia em diversos meios de comunicação, dizendo que a família está pedindo explicação sobre a demora no atendimento - etc, fato inclusive que determinou abertura de sindicância na Prefeitura Municipal de Campo Largo.

Portanto, através da presente, a FAMÍLIA DRULLA vem esclarecer que o ocorrido restou vinculado de forma equivocada por terceiros, e que em razão de como alastraram-se as notícias e a forma de sua divulgação, esclarecem a real forma como ocorreram, pedindo assim que cessem as publicações vinculadas nos meios de comunicação, de maneira especulatória, bem como com evidente cunho “político”, para que assim possam DIGNAMENTE passar por este momento de LUTO.

Curitiba, 26 de junho de 2018.

FAMILIARES DO SR. OSVALDO DRULLA

Notícias na mesma categoria

Começam as obras de pavimentaçãodas principais ruas do Jardim Rivabem
Prefeitura de Campo Largo repudia matéria sensacionalista de jornal local
Deputado Diego Garcia visita Campo Largo com recursos de R$ 100 mil para a Saúde
Prefeitura de Campo Largo restabelece a verdade em caso de morte no Interior
Região do Ferraria recebe atenção especial da Administração Municipal